Browsing Tag

pensamentos

Comportamento

Por que sempre “sucesso” e “dinheiro” são relacionados?

Por-que-sempre-“sucesso- e-“dinheiro”-são-relacionados-ideias-da-fe

 Todo fim de ano, meus familiares faziam jantares no dia 31, com o intuito de comemorar essa passagem de ano juntos. E na maioria das vezes 90% deles estavam bêbados, sem ter consciência do que falavam ou do que estavam fazendo. Os 10% restantes, apenas apreciavam os fogos, e vinham com abraços calorosos, dizendo : “Espero que este ano você seja muito feliz, e que tenha saúde, sucesso, amor…”.

Essas palavrinhas pequenas: “saúde”, “amor” eram ditas apenas em dias como aniversário e virada de ano. Por que não tinham maior frequência nos outros dias do mês? Por que sempre “sucesso” e “dinheiro” são relacionados? Por que não há uma ligação mais especial?

Eu quase sempre ouvi que para se ter sucesso na vida, teríamos que ter muito dindin. Como se isso bastasse… Quer dizer, o dinheiro se vai. A vida se vai. Mas momentos, isso sim marca um coração. Tem uma conexão com sentimentos, com expectativas e faz tão bem para alma. Quem nunca ouviu “trocaria tudo por mais uma chance de fazer tal coisa”?

Todos tem o poder da escolha. Dizer “sim” ou “não” e arcar com as consequências. Vale para o sucesso da vida também. Precisa- se de uma inversão de valores. Ter mais peso o “ser” do que o “ter” e aí sim, tudo passa a ter sentido… 

 

Comportamento

Vou abrir o jogo

Vou abrir o jogo, não está fácil. Não digo no sentido de estar insatisfeita, sabe? Mas assim, por mais que eu me esforce, parece que não chego tão perto do meu sonho. Eu sei, você vai dizer “por que sonhar, se pode ir e realizar, fazer acontecer?”. 

Bem, fiz a mesma pergunta a mim mesma. Me questionei até que ponto vale a pena lutar pelo o  que quer, sendo que o eu quero é uma coisa tão distante. Fora que não depende de mim para esse sonho realizar. Eu preciso de pessoas, contatos, indicações e fidelidade. Aí que as coisas complicam. Quando é que alguém não puxa a sardinha para o seu lado e mede apenas seus interesses pessoais? Quando é que alguém se dedica a fazer determinado trabalho, sem pensar apenas no seu lucro? 

Amor pelo o que faz, e respeito pelo  o espaço do próximo não existe em abundância. E isso interfere não somente no meu sonho, quanto nos sonhos de muitos que vivem neste mundo de forma sentimental, que acreditam em uma energia positiva que pode mover as coisas, que acreditam no amor, ingenuidade e pureza. Precisa-se por em  prática os valores que se aprende na escola, que se aprende em casa. Ter coração aberto, bondade na alma e mente aberta. 

Não é fácil , não é. Impossível? Jamais. O poder de mudar, de transformar, e acreditar está em nossas mãos. Então por mais que eu me veja neste conflito interno, lá no fundinho da alma eu sei que estou fazendo a coisa certa. Minha parte eu estou fazendo. E se parar para pensar, isso é o que importa. 

Comportamento

6 Dicas para transformar o seu mundo

6-dicas-para-transformar-seu-mundo-ideias-da-fe

O mundo pode ser mal e cruel, mas será que não existe uma pequena parcela de bondade? Quer, dizer, a luz existe, o amor, a gentileza… E ainda assim somos mega pessimistas, morrendo de receio de viver as 24 horas que nos foram dadas.

Pressão, responsabilidades e metas a cumprir. Sei disso. Nada é fácil e cheio de magia, em que ao esfregar uma lâmpada os desejos se realizam. Porém quero entender onde foi que deixamos a pitada de claridade, que faz toda a dificuldade, e todos os sonhos terem valor. 

Ao invés de reclamar, pensar em como poderia ser, acrescentar o “e se”, e esquecer de agradecer, todos poderiam fazer algo para mudar o mundo. Sério, tem tantas formas, tantas opções de mudar o SEU mundo e o mundo do OUTRO. 

Vou lhe dar algumas ideias:

– Dizer “eu te amo.” para quem mexe contigo lá no fundinho da alma. 

-Surpreender alguém. Seja com presentes ou pequenos gestos como preparar um jantar muito gostoso. 

-Dar uma palavra carinhosa a uma pessoa que nunca viu, mas incentivá-la a lutar pelo o que quer. 

-Abraçar. Isso conecta a gente de um jeito tão bom.

-Pegar pelo menos 1 horinha para si, e fazer algo que goste. Pode ser a leitura de um livro ou ficar de ponta cabeça na cama ouvindo música e relembrando a época da faculdade. Você que sabe, mas tire um tempinho para você. 

-Sair na semana. Mesmo que tenha mil compromissos, faça um esforcinho para pelo menos um dia esfriar a mente por 2 horinhas batendo papo com alguém que quer teu bem. Cultive o amor. 

E por fim, nunca, jamais, de forma alguma, esqueça de aquecer essa luz que brilha intensamente dentro do teu eu. Ela vai te levar longe. Você vai ver… 

 

 

Comportamento

Batom vermelho

batom-vermelho-ideias-da-fe

Hey Dj, você podia trocar essa música. Essa já passou, já marcou uma fase não tão legal. Precisamos nos conectar com algo novo. Chega de choramingar, o que passou, passou. 

De início não parece fácil, mas a gente pega confiança e descobre o que tem que fazer. E agora, eu vou só pegar meu batom e retocar no banheiro, enquanto essa música não acaba. Idiota da minha parte? 

Não, não quero me apegar as coisas do passado e esse batom vermelho escuro me ajuda a enxergar quem sou eu de verdade: uma mulher cheia de vida e poderosa. Graças a este batom que ganho este segundo adjetivo. PO-DE-RO-SA. Quem diria? A autoestima cresce quando paramos de nos colocar como vítima. 

E quando nos vemos como realmente somos, a nossa capacidade de crescer é maior. Não é qualquer comentário que vem e derruba a gente por dentro, ou qualquer olhar, gesto sarcástico e grosso… A muralha da autoestima toma as rédeas e nos leva para lugares divertidos e quando menos se espera estamos no meio de uma multidão rebolando ao som de CNCO. 

As coisas são complicadas, disso sabemos. Mas podemos mudar se assim quisermos e permitimos. Passe o batom vermelho e vá bailar! O resto é resto! 

Comportamento

A vida é uma surpresa

ideias-da-fe

Não garanto que este texto seja mais um clichê a respeito de você. Quem te conhece não esquece. A gente sabe disso. Mas de vez em quando me pego escrevendo, pensando em você, como se o que eu dissesse estivesse sendo lido por seus olhos, e infiltrado no seu coração. Não era para ser tão difícil, falar sobre meus sentimentos, mas o que posso fazer? Preciso de tempo para digerir o que realmente sinto. Aqui dentro tem um turbilhão de emoções e não é tão tranquilo definir o que é o que. 

Se fosse para te dizer pessoalmente talvez eu travasse, ou minha voz não saísse. Tipo quando engasgamos e fica horrível respirar, engolir e tentar se recompor, sabe? Dizem que certas coisas temos que falar, porque pode ser que aconteça algo, na minha vida ou na sua e o pouquinho que eu tinha para botar para fora tenha pouco valor. 

Não sei se o que tenho para dizer é realmente importante. O complicado disso tudo é que a reação das pessoas são inesperadas e certas palavras tem um peso que sai da alma. Como eu iria lidar com isso? Com um possível sarcasmo embutido na sua voz ao me responder, ou com aquele famoso “não sei, tanto faz.”. Apesar de um longo tempo de convivência as pessoas sempre tem uma pequena maneira de nos surpreender, de form positiva ou negativa. Aí que vem o risco. 

Por isso eu vou parar de esquentar a cabeça, escrever sobre você e se algum dia ler isso, saberá que em momento algum, te tirei do meu coração. Mas me perdoe por não ter coragem suficiente de dizer o que realmente se passa aqui, aqui dentro. Quem sabe se algum dia nossos caminhos se cruzarem de novo, poderei perder esse manto de medo, incerteza, e saudade?

A vida é uma surpresa.