Browsing Tag

relacionamento

Comportamento

Dá um medo enorme

da-um-medo-enorme-ideias-da-fe

Esperei tanto um momento bom para por tudo para fora e ainda assim acho que pequei em expor algumas palavras tão expressivas. Pensei muito a respeito, mesmo com a dor tomando conta de mim. A vontade de dizer “porque te quero por perto” não foi o suficiente, eu evitei mostrar minha fragilidade. Dá um medo enorme, deixar todos os pensamentos, questionamentos e certezas nas mãos de outro alguém que não seja nós mesmos.

Porém ainda assim, eu enxerguei  as mil razões para por tudo em jogo. Mas ainda assim não foi o suficiente. Será que vai ter reprise disso? 

Eu não sei o que fazer. A indecisão me domina. Só que ainda assim,me esconder atrás de risos e frases como “deixa para lá”, ou “tanto faz” é muito mais seguro para mim. Apagar seu número de celular, não deixar recado na caixa postal, não ver seus stories do Instagram, ou passar bem longe da rua que você mora, são mais defesas que minha mente criou para não despertar meu coração. 

Prefiro compor canções para de alguma forma tirar de mim essa falta, essa ansiedade e angústia, de não poder te ver mais. Apesar da nossa ligação sanguínea, apesar das nossas indas e vindas, nosso tempo se foi… 

Comportamento

Papel de bonecos

Senti seu coração bater mais forte e não me desprendi de você. Por mais que seus lábios dissessem que estava na hora, eu tentei ao máximo te prender a mim por mais 2 minutos. Por que você tinha que ir embora? Por que tudo e tão complicado para nós?

Eu daria o mundo para te ter aqui comigo, e ainda assim teria alguma pessoa, coisa ou situação para impedir que fiquemos juntos, é como se o destino brincasse com isso. Nós faríamos papel de bonecos, que são manipulados e sem realizar sua própria vontade. Mas independente disso, dessa sensação estranha, eu não canso de tentar, sabe? 

Não importa se teremos 10 minutos para conversar, ou 5 minutos para acordar e me aconchegar em seus braços, ou 15 minutos para fazer o café e te ver sair. Eu gosto do pequeno tempo que possuímos quando estamos juntinhos.

Portanto, por mais que não seja fácil manter nossa relação, eu não vou desistir de te conquistar todo dia, de cuidar do teu coração, e deixar que você cuide do meu… 

Comportamento

Os segredos pedem para serem guardados

 

Não gosto de esconder coisas. A não ser que seja segredo. Algo muuuuuito íntimo e que eu sinta que deva ficar guardado no meu coração. Se eu falar para alguém, sinto que o segredo tem a chance de deixar de ser “segredo” em sua essência, entende? Ele se transforma em uma possível  fofoca, que na boca de outras pessoas, ganha diversas versões e acaba no formato de mentiras e especulações.  O fim deste processo é óbvio: críticas. SIM!

Já escrevi bastante sobre essa última palavrinha chave : CRÍTICA. Mas, hoje quero focar na beleza do segredo. Não é gostoso imagina como vai ser tal coisa sem ouvir o famoso: “mas e se não der certo? Ah mas é impossível, até parece que você vai conseguir. Oh, fulano já fez isso e não deu, com você será que vai ser diferente? Faz assado que é o correto, todo mundo faz e você tem que fazer também…” . Imagina a beleza de poder sonhar, acreditar, ou até mesmo guardar lembranças sem aquele pessimismo, sem a inveja, sem a falta de apoio dos outros.

Acredito que a comparação seja um dos itens que mais nos privamos ao deixar algumas coisas em “off”. Engraçado né? O poder das palavras. Eu mesma adoro falar de tudo, mas quando envolve um segredo, fica uma “trava” dentro de mim. Não que eu faça um enorme esforço para não soltar meus segredos, é que eles ficam pedindo para serem preservados…

Acho que todos os segredos são assim. Pedem para serem guardadinhos, protegidos de qualquer um que deseje o mal, que não acredite, que queira interferir no futuro de alguém (ou até mesmo no seu), que seja tripudiado. Segredo é uma coisa séria. É seu, e de Deus. Ou quem sabe de mais alguém que entenda seu significado. E acredite, ele talvez tenha mais poder do que todas palavras que são jogadas ao vento todos os dias. Eles são mágicos e impactantes… 

#IdeiasIntrínsecas

O que passou

Ela estragou a sua vida. Sugou cada pedacinho de amor que você possuía por ela. Por que?! Estava tudo indo tão bem! Aquela coisa boa, o misto de emoções e vontade de viver que todo bom começo possui… Foi por água abaixo.

Você ainda se lembra de como o olhar dela brilhava sempre que te via. O seu também reluzia, porque você sabia da sintonia que sentiam um pelo outro. Vocês aceitaram a loucura do enlaço definitivo, mesmo sabendo que uma pessoa específica era contra o amor de vocês. Vocês construíram, juntos, a morada que seria o porto seguro de toda a sua pequena família: Ela, você, a menininha e o bichano. Você voltava ansioso do trabalho, porque queria descansar e ficar ao lado das pessoas que tanto passou a amar.

Mas ela estragou a sua vida. Sim, estragou.

Agora você olha para o espelho e não vê mais nada. Não a vê, nem a menininha, muito menos o bichano que insistia em comer mais. O essencial, o brilho de seus olhos, também não se encontra em seu rosto. Você é um ser sem expectativas que não sabe mais o que fazer.

Dói. Ainda dói… Você a deu mais uma chance mesmo depois de tudo que ela fez. Você acreditou nas palavras dela novamente, e a nova menininha – a SUA menininha – o ajudou a decidir. Você a ama, AS AMA, e queria reconstruir tudo de novo, mas você sabe, sabe com todas as suas forças, que nada será como antes. Nem se quer a antiga menininha – agora grande; uma moça – estava lá. Ela também havia ido embora, igual a você.

Suas lágrimas caem sobre a porcelana da pia do banheiro e todas as recordações se vão. Sua menina dorme ao lado, como o antigo bebê que um dia foi, e você não quer acordá-la, incomodá-la com o seu sofrimento. Por quanto tempo mais você viverá assim?

Você não sabe mais de nada… Talvez nunca soube.

Agora, você só quer seguir em frente, pois sabe que a maravilhosa vida que tinha não irá retornar. Ela, a qual você tanto amou, não tem mais jeito. Virou um poço de infernizações e você abomina isso. Ainda se lembra das noites que brigaram tantas vezes (por causa dela).

Agora, só resta viver com este vazio que nem se quer você sabe se haverá cura. Só resta se desligar deste mundo com tantas pessoas ruins e focar no último fiapo de amor que lhe restou…

Ainda bem que sua menininha ficou.


#IdeiasIntrínsecas: É o primeiro projeto do blog Ideias da Fê junto do blog Intrínseco Universo. Mais um meio de compartilhar textos (ideias) e sentimentos (pensamentos) que todo ser humano tem e sente necessidade de compartilhar. Use a nossa hashtag nas redes sociais e conheça um misto de ideias intrínsecas.

By: Jeniffer Ferreira

Comportamento

Claro que tive medo de acabar com tudo

Quando me falaram que eu sentia algo por você, eu neguei. Jurei de pés juntos que isso era impossível. Pois bem, ERA. Tudo que colocamos no passado, fica no passado. O que meu coração diz sobre você é algo bem mais profundo. Claro, tive medo de acabar com tudo. Você estava enrolado, e seus relacionamentos conturbados e irrelevantes, mas uma parte sua sempre esteve me vigiando. Por que não disse nada? Por que não disse que sentia o mesmo? Ou melhor, você sente? Dentro de você tem um espacinho para mim? 

Tive vários amigos, e uma vez o outra comecei a sentir algo por eles. Sempre guardei tudo para mim. Para que dizer em voz alta que eu estava vendo nossa amizade de uma forma diferente?  Mas com você foi tão irreal…

Perdi eles com o tempo. De repente não olharam maias para mim porque começaram a namorar e nunca entendi isso. Sempre pensei que talvez fosse pela possibilidade de eu ser vista como a “ladra” de namorados, a garota perigosa que destrói relacionamentos. Mas, depois de tanto analisar e refletir, entendo que o problema não estava em mim, mas no casal. Não havia confiança e por algum motivo, as namoradas desses amigos devem ter percebido que eles na verdade, não eram apaixonados por elas. Então, precisavam tomar uma atitude, arranjar forças de prendê-los, para nunca perder, para não ter que dizer adeus e deixar partir. Finalmente compreendi que não seria eu que acabaria com o relacionamento deles, porque na verdade, eles já tinha feito isso, ou então, uma hora iam fazê-lo. 

A verdade é que parei de me julgar e me questionar sobre isso, sabe? Comecei a ouvir o que sinto dentro de mim, e foi por isso que te perguntei, se ainda existe uma possibilidade de uma garota como eu ser mais do que uma amiga. Pelo tempo que passamos juntos e pela sua bela forma de me irritar, percebi que meus dias sem você ficam enjoativos. Parece clichê né? A gente sempre se vê, mas mal paramos para conversar direito e tomar aquele café delicioso misturado com chocolate. Pois é, eu sei, seu favorito né? 

Então se você estiver a fim de mudar sua vida de curso, olhar um novo horizonte e abrir as cortinas de teatro da vida, sabe que pode me chamar. Estarei te esperando com minha mochila azul, aquela jaqueta de couro preta que você vivia reclamando porque achava ela maior do que eu, e com um lanche gigante na mão para pelo menos não passarmos fome. Quero muito recomeçar com você. Te espero.